Notícias

Programa Saúde Habitacional entrega primeira casa reformada no Território do Bem

O dia 27 de agosto foi um marco para o Programa Saúde Habitacional, realizado pelo Ateliê de Ideias, Fórum Bem Maior e a Organização Não Governamental (ONG) Associação Onze 8, com apoio do Instituto Unimed Vitória. Nessa data foi entregue a primeira casa reformada por meio do programa, que busca resolver problemas de infraestrutura em residências dos bairros Jaburu e São Benedito, no Território do Bem, em Vitória.

A primeira família beneficiada foi a da doméstica Renata dos Santos. Em sua casa, ela mora com cinco filhos, um genro, uma neta e o ex-marido. Segundo Renata, entre as mudanças feitas em sua residência, está a retirada da infiltração de um quarto, que por causa desse problema não estava sendo utilizado. Nos outros dois, onde faltava ventilação, foram colocadas básculas.

 

Mais mudanças foram feitas, a exemplo da retirada do esgoto que passava dentro da cozinha. Renata, que ficou em uma casa alugada pelo Saúde Habitacional enquanto ocorria a reforma, acredita na melhoria da saúde das filhas, que sofrem de problemas respiratórios. Assim como sua família, outras nove serão beneficiadas. 

Segundo a coordenadora do Núcleo de Desenvolvimento Comunitário do Ateliê de Ideias, Denise Biscotto, alguns critérios para a escolha das casas a serem reformadas foi serem chefiadas por mulheres cadastradas no CAD Único, ter mais de três pessoas por dormitório, e problemas como falta de ventilação e de ligação com rede de esgoto. Os próprios moradores, explica Denise, elencaram cinco casas no Jaburu e cinco em São Benedito para serem contempladas.
 
Esses bairros foram escolhidos pelo fato de que no alto dos morros os problemas costumam ficar mais invisíveis. "Temos recursos para fazer sete casas. Estamos arrecadando dinheiro para as demais", diz Denise. As quatro primeiras, informa, foram financiadas pelo Instituto Unimed Vitória. A quinta, pela Associação Espírito-Santense do Ministério Público. A sexta e a sétima, por meio de doações de pessoas físicas. 
 
Pandemia impulsionou criação do Programa
 
Denise ressalta que o programa foi criado em meio à pandemia da Covid-19, que trouxe a necessidade de isolamento social. "Foi dito para as pessoas ficarem em casa, mas como, se muitas dessas casas estão mofadas, sem ventilação?", questiona. A realidade apontada por ela está comprovada por meio da pesquisa Saberes, Fazeres e Perfil dos Moradores do Território do Bem, feita em 2019 por moradores.
 
Esse levantamento mostrou alguns problemas comuns nas moradias da região, como falta de afastamento entre as casas e de janelas e pouca iluminação. Para Denise, uma condição digna de moradia garante também outros direitos fundamentais. "Uma casa segura, adequada, é importante para a preservação da saúde, possibilita que as pessoas tenham espaço para estudar, por exemplo", defende. 
 
Renan Grisoni, arquiteto e diretor de Infraestrutura da Associação Onze 8, ONG que capta recursos para executar projetos arquitetônicos nas comunidades populares, afirma que, além de resolver problemas como os ligados à ventilação e saneamento, também é feita uma mudança estética. "A estética, a dignidade, trazem saúde, autoestima. Se a casa estiver bonita, as pessoas cuidam melhor", acredita.
 

Denise relata que o Saúde Habitacional também tem como alguns de seus objetivos "trazer luz para os problemas de moradia" e aquecer o comércio local. Para isso, os insumos, como materiais de construção, são comprados com comerciantes do Território do Bem. Além disso, os pedreiros contratados para a obra são moradores da região, como forma de gerar emprego e renda, afetados pela pandemia da Covid-19. 

Doações 
 
O Programa Saúde Habitacional aceita doações de materiais de construção e de dinheiro para garantir o financiamento da reforma das casas. Os materiais podem ser entregues no Banco Bem, no Território do Bem. A entrega deve ser combinada previamente pelo telefone (27) 98118.7676. As doações em dinheiro podem ser feitas por meio de depósito bancário, que deve ser realizado na Caixa Econômica, Conta Corrente 11.171-1, da Associação Ateliê de Ideias. O CNPJ é 06.044.098/0001-65, agência 2503, operação 03.

Fonte: 
https://www.seculodiario.com.br/cidades/programa-saude-habitacional-entrega-primeira-casa-reformada-no-territorio-do-bem
 

Publicado 31/08/2020

Contato:

E-mail: fundaes@fundaes.org.br
Telefone: (27) 3024-8640 / 27 99704-5600
Endereço: Avenida Nossa Senhora da Penha, Nº 2796
Ed. Impacto Empresarial, Sala 804 - Santa Luíza - Vitória - ES
CEP: 29045-402

Redes Sociais: